115 anos presentes no futuro de Portugal

Estamos desde 1905 presentes no futuro de Portugal, sempre focados em transformar o dia a dia dos portugueses. Para os importantes sectores da indústria, infraestruturas e mobilidade, as nossas equipas desenvolvem tecnologias com propósito que ligam o mundo virtual ao físico, em que os nossos clientes operam, e desenvolvem soluções que permitem às mais variadas empresas ser ainda mais eficientes e rentáveis. Através das inovações que introduzimos, todos os anos, no mercado e dos projetos que desenvolvemos, acreditamos estar a dar o nosso contributo para o que planeta rume a um futuro ainda mais sustentável – para as gerações atuais e para as vindouras. É por isso que hoje e sempre estaremos presentes no futuro do nosso país.

2019

Os i-Experience Center 4.0 e Solutions & Service Center do Porto foram inaugurados, como complemento aos centros de Alfragide, com o objetivo de fomentar o desenvolver novas soluções e tecnologias nas áreas da indústria e tecnologias para edifícios.

2018

Fornecimento e comissionamento dos sistemas de acionamento, comando, controlo e comunicações da primeira máquina para a produção de Tissue Paper da Navigator.

A Siemens retomou a prestação de serviços de manutenção do sistema de gestão de tráfego da cidade de Lisboa.

2017

Data Center da REN, em Riba de Ave, com fornecimento de tecnologia para postos de seccionamento e transformação, quadros de baixa e media tensão, sistema de gestão técnica centralizada, sistemas de extinção de incêndios, climatização, segurança e videovigilância. O comando e controlo de todas as tecnologias do datacenter é assegurado pelo software Desigo CC da Siemens.

Foto: REN

2016

Parceiro tecnológico da Fisipe, fábrica de materiais de fibra de carbono no Barreiro.

Desenvolvimento de projeto Storage InovGrid em Évora, em parceria com a EDP Distribuição.

A Siemens foi parceira tecnológica, no projeto de renovação do Teatro Tivoli, com soluções de segurança e proteção.

Foto: SGL Composites

2015

Intervenção da Siemens Portugal no porto de Sines foi considerada referência mundial.

Construção da maior Central hidroelétrica reversível do mundo (Frades II).

2014

Fornecimento por parte da Siemens da rede elétrica, sistemas de automação, sinalização e telecomunicações da linha ferroviária para o projeto do Corredor de Nacala, em Moçambique.

2013

A Siemens soma 12 Centros de Competência nas áreas Energia, Infraestruturas e Saúde assim como serviços partilhados (recursos humanos, compras, finanças, etc).

2012

Fornecimento de soluções aeroportuárias para quatro aeroportos de Angola – Soyo, Dundo, Saurimo e Luena.

2011

Para a central hidrelétrica de Venda Nova III (EDP) a Siemens, S.A. forneceu o equipamento eletromecânico.

2010

Criação do Centro de Competências em Governance, Accounting & Controlling, que tem como missão garantir a integridade, qualidade e conformidade das demonstrações financeiras da Siemens.

Protocolo com o MOBI-E (a entidade portuguesa responsável pela dinamização da mobilidade elétrica em Portugal) para soluções de carregamento de carros elétricos.

2009

Participação no projecto Torres Colombo com diversas soluções eléctricas.

Assinatura do protocolo com EMEF para criação de competências nacionais na área da montagem de material circulante ferroviário.

2008

Conclusão do projecto de entrega de 25 Locomotivas LE4700

Início da construção da central de Ciclo Combinado do Pego, uma das mais eficientes centrais do mundo.

2006

Aquisições da Bayer Diagnostics, da Diagnostic Products Corporation e da CTI tornam a Siemens líder mundial em diagnóstico integrado in-vivo e in-vitro.

Exportação do conceito Capacity Plus para acolher os jogos Asiáticos em Doha, Qatar.

2005

Solução chave-na-mão para o Hospital da Luz, uma das mais modernas infraestruturas de saúde da Europa.

Estabelecimento de parceria com a Fundação Calouste Gulbenkian para a Biologia Computacional.

2004

Fornecimento de soluções integradas para nove dos dez estádios de futebol do Euro-2004. Desenvolvimento e operação do Terminal de Passageiros temporário criado para fazer face ao fluxo de passageiros no aeroporto de Lisboa.

2003

Criação do Laboratório de Redes Óticas e de um Centro Mundial de I&D de software para as redes de UMTS e GPRS.

2002

Adjudicação do projeto “chave na mão” para o Metro Sul do Tejo: material circulante e infraestruturas eletromecânicas.

Um milhão de telemóveis vendidos.

2001

Eletrificação da Linha ferroviária da Beira Baixa (Mouriscas–Castelo Branco).

Contrato da Central do Ribatejo.

2000

Início de funcionamento da central de ciclo combinado da Tapada do Outeiro.

1998

Participação da Siemens, S.A. no projeto do Pavilhão Multiusos aquando da Expo98.

Serviços de manutenção no Oceanário de Lisboa e no Centro Cultural de Belém.

1997

Início de atividades da Fábrica Condensadores de Tântalo em Évora com um investimento inicial no valor de 50 milhões de euros.

1996

Constituição da Siemens Semicondutores, S.A., Vila do Conde. 10 comboios pendulares da CP são equipados com sistemas elétricos de controlo e tração Siemens. Início das atividades de R&D na área de transmissão ótica.

1995

Entrada em funcionamento do novo Hospital de Santo André (Leiria), projeto “chave na mão” realizado pela Siemens.

1993

Implementação do sistema de Gestão Técnica Centralizada no edifício sede da Caixa Geral de Depósitos com uma área coberta total de aproximadamente 205.000m².

1992

Constituição da Fábrica do Seixal - disjuntores e quadros elétricos.

1990

Assinatura dos contratos com a CP para o fornecimento de 40 unidades quádruplas elétricas para a linha de Sintra. Implementação da primeira rede móvel para os CTT e os TLP.

1989

Inauguração da nova Sede “Dois Moinhos”, em Alfragide.

1987

Contrato para substituição da rede telefónica pública por equipamento digital e entrega da primeira central pública digital em Portugal.

1971

Arranque da nova Fábrica em Évora, produtora de relés (material de telecomunicações).

1964

A Siemens inicia a atividade fabril em Portugal, através da aquisição da Motra–Equipamentos Elétricos, S.A.R.L., produtora de motores e transformadores.

1955

Fornecimento de 24 carruagens para o Metropolitano de Lisboa.

1934

Estabelecimento da Siemens, S.A.R.L e passagem das instalações da empresa para a Rua Augusta. Introdução do negócio de eletrodomésticos.

1913

Fornecimento de equipamentos para a central hidrelétrica de Santa Rita (Fafe) e para a central termelétrica de Massarelos (Porto).

1905

A Companhia Portuguesa de Eletricidade Siemens Schuckertwerke, Lda inicia as suas atividades em Lisboa, com delegação no Porto.

1895

Motores Siemens equipam elétricos da Companhia Carris, no Porto.

1876

Fornecimento de um forno elétrico para a indústria vidreira na Marinha Grande.